Casal adota gata com três patas para a filha que perdeu um braço devido ao câncer

Por SÍLVIA HAIDAR

Um casal que vive em Trabuco Canyon, na Califórnia, adotou uma gatinha com apenas três patas para a filha de dois anos, que nasceu com um tipo raro de câncer e teve de amputar o braço esquerdo aos dez meses.

Simone Tipton, mãe da menina Scarlette, disse à ABC News que logo que viu a gatinha “percebeu imediatamente uma ligação especial entre as duas”.

X

A família Tipton conheceu a bichana de três meses por acaso. Matthew, o pai de Scarlette, estava assistindo às notícias locais pela televisão quando ficou sabendo que uma gatinha foi encontrada com uma pata machucada e levada ao abrigo de animais San Jacinto Valley Animal Campus, no dia 17 de dezembro.

Lá, os veterinários conseguiram salvar a vida da gata, mas precisaram amputar a pata direita.

A família viajou de carro por mais de duas horas para ir ao abrigo e adotar a bichana ainda antes do Natal.

Simone disse que assim que a gatinha chegou na casa da família, Scarlette percebeu os pontos e o tubo de drenagem no local onde foi feita a cirurgia. A mãe contou que a menina também passou pela mesma situação após a amputação do braço.

“Ela apontou para a gata e disse: ‘ela está sofrendo’”, afirmou Simone. Em seguida, a menina pôs a mão no seu próprio ombro esquerdo, onde houve a amputação.

Simone contou que quando Scarlette perdeu o braço, os médicos disseram que a menina teria dificuldade para engatinhar e ficar de pé, mas que com o tempo ela aprendeu a superar suas limitações. Agora, Simone diz notar a mesma força de vontade na gatinha

“Quando nós trouxemos a gata para casa, pensamos que ela teria dificuldade para pular no sofá e na cama, mas ela está saltando pela casa toda como se não tivesse nenhum problema”, afirmou.

A mãe também disse que no abrigo a gatinha foi batizada de Holly, mas eles vão mudar o nome da gatinha para Doc, personagem do desenho “Doutora Brinquedos”, que Scarlette e o irmão mais velho adoram.

A família de Scarlette tem uma página no Facebook para ajudar a arrecadar dinheiro para o tratamento da menina; clique aqui e conheça.

 

A menina Scarlette, 2, com a gatinha Holly, que agora foi rebatizada de Doc (Reprodução/Facebook/Smiles For Scarlette)
A menina Scarlette, 2, com a gatinha Doc, de três meses (Reprodução/Facebook/Smiles For Scarlette)