Gata começa a se comportar como cachorro após ser ‘adotada’ por cadela da raça husky

Por SÍLVIA HAIDAR

Rosie é uma gatinha de sete meses que se comporta como um cão da raça husky: ela é destemida, gosta de brincar na neve, praticar esportes aquáticos e fazer longas caminhadas.

O “histórico familiar” de Rosie explica suas atitudes, já que a bichana foi “adotada” por uma cadela husky chamada Lilo quando tinha apenas três semanas de vida.

X

As irmãs Thoa, Thi e Tram Bui, que moram em San Jose, na Califórnia, já eram donas das cadelas Lilo e Infinity quando encontraram a gatinha abandonada na rua.

Thoa disse à ABC News que como a filhote era muito pequena e estava bem fraquinha, colocou Rosie para dormir com Lilo.

Além de aquecer a gata, a cadela começou a tratá-la como sua própria filha. “Lilo nunca saiu de perto de Rosie muitas por horas”, conta Thoa.

Assim que Rosie melhorou, ela começou a seguir a “mãe adotiva” pela casa. Não demorou muito para a gatinha querer acompanhar os passeios de Lilo, Infinity e Miko (outro cão da raça husky, que vive com os primos de Thoa em uma casa na vizinhança).

Os três cães da raça husky e a bichana passeiam de coleira pelas ruas, brincam, dormem e comem todos juntos, como uma grande família.

A gatinha Rosie entre os cães da raça husky (Reprodução/Instagram/lilothehusky)
A gatinha Rosie entre os cães da raça husky (Reprodução/Instagram/lilothehusky)