48% dos donos de gatos acreditam que os bichanos entendem o que os humanos sentem, diz pesquisa

Por SÍLVIA HAIDAR

Você acha que o seu gato percebe quando você está triste? Ou chama o bichano de bebê-gatinho? Então saiba que você não está só.

Uma pesquisa realizada pelo Ibope Inteligência e pelo Instituto Waltham, ligado a fabricantes de ração, revela que 48% das pessoas que têm gatos acreditam que os felinos entendem o humor dos donos e 45% veem seus gatos como filhos. Sobre o perfil dessas pessoas, 61% são mulheres, têm em média 40 anos e 62% moram em casas.

Os pesquisadores falaram com 300 donos de gatos, homens e mulheres a partir de 25 anos que vivem em São Paulo, Ribeirão Preto, Rio de Janeiro, Porto Alegre, Salvador e Distrito Federal.

O estudo identificou três perfis de donos de gatos:

  • os apaixonados; defensores dos felinos, que podem ser chamados de gateiros ou cat lovers
  • os resignados; aqueles que gostariam de ter cachorro, mas acabaram optando por um gato
  • os convertidos; aqueles que não pensavam em ter um gato, mas foram influenciados por conhecidos e viraram fãs dos bichanos

Você se encaixa em uma dessas descrições? Dê sua opinião.

A atriz Audrey Hepburn durante cena do filme "Bonequinha de Luxo", de 1961 (Reprodução)

A atriz Audrey Hepburn durante cena do filme “Bonequinha de Luxo”, de 1961 (Reprodução)